sexta-feira, 23 de julho de 2010

Festa Junina da Escola em plena Copa


Nossa torcedora caipira não ficou uma graça? Pois é. Uma das mães teve iniciativa e perguntou se a gente queria que uma costureira fizesse as caipiras das crianças. A idéia era aproveitar o tema da Copa. Todas as crianças ficariam parecidas, mas nenhuma caipira seria exatamente igual a outra. Amei o modelo, a estampa... ficou tudo lindo! Tudo de muito bom gosto!
Tirei algumas fotos antes de sair de casa...


Reparem na dança e na combinação com a sandália que nós trouxemos da viagem à Salvador...


Descobrindo os detalhes da roupa...



Brincando de esconde-esconde na bandeira...



Na Escola, o mural montado pelas crianças.


O par da Malu no mural foi o Vinícius!


Os dois turnos (manhã e tarde) dançaram juntos e ficou tudo muito lindo!


Como o tema era Copa, houve um momento que as crianças hastearam a bandeira com direito ao hino de fundo.


Amei essa foto!

Bia e Malu de mãos dadas...



Momento mãe!


Momento pai!


Mães e filhas!

Depois da quadrinha, ainda dançando perto do galinheiro.

As fotos ficaram lindas, mas eu não tinha percebido que o flash não estava batendo... Uma pena!Teria melhorado as sombras causadas pelas árvores.
Papai, vovó e prima Júlia.

Vovó e Malu.

João e Malu. Meu Deus que iniciativa! rs!
Júlia e Malu.

As bochechas rosadas em formato de coração...


Primas queridas!


A Clarinha chegou na festa!

Nas brincadeiras...


Geração de primas: Maria Flor, Clara e Malu (bisnetas Peixoto)!

E como não podia deixar de ser... Na casinha da árvore descendo o escorrega!


E para finalizar, uma foto deliciosa com a professora!



Adoro a escola da Malu, mas tem uma coisa que me incomoda muito: a festa junina é fechada. Os pais e convidados precisam comprar ingresso para entrar e tudo lá dentro também é pago. Acho essa iniciativa bastante antipática. Quando perguntei o motivo da compra de ingresso, me disseram que é para limitar a quantidade de pessoas tendo em vista o tamanho da escola. Mas isso não me convence. A Escola não é tão pequena assim. Estou acostumada a ir nas festas juninas da minhas ex-escolas e a dançar quadrilha de ex-alunos. A Escola da Malu já faz um horário diferenciado para as danças dos menores... Na minha opinião, a entrada deveria ser aberta. Como funciona essa dinâmica na escola do seu filho (a)?

5 comentários:

Juliana disse...

Em primeiro lugar, que gracinha!
Em segundo, a Simone na foto das mães é minha amiga dos tempos de handebol do Niterói Rugby! Quando estiver com ela, mande um beijo meu. Essa cidade é mesmo um ovo de codorna!
Em terceiro: finalmente uma foto (quase) atualizada da sua barriga. Tá linda e enorme! Tô adorando acompanhar tudo.
Bjs

mary disse...

OI Carol, adorei as fotos. Vc está linda!!! A Malu tá uma graça com essa roupa. É chato mesmo eles cobrarem ingressos. Podiam distribuir exibíveis para as crianças limitando o tanto de convidados cada uma podia ter, já que eles dizem que é pelo espaço. Aqui em Fortaleza não cobram as entradas nas festinhas das crianças não, mas as comidas são pagas. Bjoss

Ericka disse...

Linda, linda, linda! Também adorei a foto de vocês quatro na festinha! Bom, a Eva ainda não vai pra escola, mas infelizmente, não vamos ter festinha junina na escola que ela for pois moramos na Califórnia. Mas temos festas juninas da comunidade brasileira aqui e eles cobram um ingresso e a comida. Mas é uma explicitamente festa para arrecadar recursos para os grupos comunitários que organizam a festa. Se a escola falar que é para arrecadar recursos para atividades da escola, acho que tudo bem. Mas tem que ser explícito. Bjos pra família linda.

Rosi disse...

Carol

Realmente não há caipira mais brasileira e charmosa como a Malu.

Linda!!!

simone disse...

entra quem quiser.o colégio só pede como "ingresso" alimentos não perecíveis (vc leva o que puder), para serem doados a instituições de caridade.
acho válido...
sempre vejo os responsáveis dos abrigos indo buscar as doações.
abraços